Autonegociação de dívidas com a utilização de chatbots

Autonegociação de dívidas com a utilização de chatbots

Segundo uma pesquisa, 40% dos brasileiros inadimplentes utilizam os canais digitais para negociar suas dívidas. Destes, 48,7% utilizam um portal de autonegociação.


As principais dificuldades com o modelo convencional de cobrança são:


• A negociação de dívidas pelos métodos convencionais exige um alto nível de intervenção humana, afetando, negativamente, a agilidade dos procedimentos e aumentando os custos.

• O uso do telefone para contactar o devedor — que pode, ou não, atender à ligação naquele momento. Caso ele não atenda, será necessário insistir em novas ligações até que seja possível o contato.

7 motivos para implementar um chatbot em sua estratégia de marketing

7 motivos para implementar um chatbot em sua estratégia de marketing

Os Chatbots evoluíram significativamente nos últimos tempos, graças à inteligência artificial (IA) e ao processamento de linguagem natural (NLP). Agora eles são extremamente sofisticados e versáteis que podem ajudá-lo a automatizar vários processos de negócio.


Os chatbots podem fazer parte de suas iniciativas de marketing e ajudar a empurrar seus clientes através do seu funil de vendas.


Veja algumas formas que os chatbots podem se encaixar nas estratégias de marketing:

sistemas cognitivos

Nem todo sistema cognitivo usa Watson

Nem todo sistema cognitivo usa Watson, e nem todo uso de Watson gera sistemas cognitivos.


É muito comum ao se falar de criação de chatbots, alguém perguntar : Vocês usaram o Watson ? Você já deve ter ouvido esta pergunta, ou até mesmo ter feito ela para alguém.


Mas, existem hoje no mercado mais de uma centena de plataformas para criação de chatbots, sistemas cognitivos, e outras aplicações de inteligência artificial. Até soluções open-source. Isto mesmo : open-source.


Na verdade, o Watson da IBM é uma coleção de bibliotecas com recursos para se criarem sistemas com várias habilidades. Não só sistemas cognitivos.

nova versão de chatbot

Lançada a versão 2.34.051 do Servicebot-3

Já está disponível a versão 2.34.051 da solução Servicebot-3!


As principais novidades desta versão são:

1) A tela de cadastro dos campos dinâmicos recebe nova opção de tipo de campo: "DATABASE".


2) Implementada a opção de busca por campo dinâmico e paginação na aba de relacionamento de campo X tipo.


3) Permite ao atendente do chat convencional reclassificar o assunto da conversa. Essa funcionalidade pode ser habilitada através de configuração de parâmetro.

Tree Tools participa do Seminário de Inteligência Artificial
read more

Tree Tools participa do Seminário de Inteligência Artificial

A Tree Tools, representada pelo Sr. Paulo Sergio Cougo, participou do Seminário de Inteligência Artificial realizado em Curitiba-PR. O evento promovido pelo SEBRAE/PR ocorreu no dia 22 de setembro de 2017 das 08:30hs às 17:30hs.

Qual é o futuro dos Chatbots

Qual é o futuro dos Chatbots?

Para compreender melhor sobre o futuro do chatbot é importante conhecer também sobre a sua origem.

A história dos chatbots é antiga, tanto que o primeiro chatbot foi criado em 1966. O ELIZA, criado por Joseph Weizenbaum, podia reconhecer certas palavras e padrões e responder aquilo que era perguntado.

Mas o boom dos chatbots explodiu mesmo no último ano por conta da facilidade de acesso às ferramentas de inteligência artificial e de acesso à grande volume de dados.

A estatística do Gartner é que a Inteligência Artificial alcançará 85% dos relacionamentos com os clientes até 2020.

O CEO da Microsoft Satya Nadella disse recentemente que a comunicação de pessoa-para-pessoa, pessoa-para-assistentes-virtuais e pessoa-para-bots é o que o mundo verá nos próximos anos.

Tree Tools - This is IT

A nossa missão é elevar a competitividade das organizações, provendo-as com soluções em tecnologia da informação.

Localização